Os objetivos da GARRA

O objetivo da GARRA é o de providenciar condições de bem-estar e alojamento temporário e/ou definitivo a animais apreendidos e/ou recolhidos pelas autoridades responsáveis.

A GARRA pretende dar prioridade aos animais exóticos e autóctones irrecuperáveis, uma vez que são aqueles que mais carecem de apoio em Portugal, e para os quais as autoridades responsáveis não têm solução.


Desta forma os principais objetivos da GARRA são:


1) A defesa do bem-estar animal, procurando encontrar juntamente com as autoridades competentes, um local de acolhimento temporário ou definitivo para os animais selvagens que não possam ser devolvidos à natureza, e cuja filosofia se coadune com os princípios orientadores da GARRA;


2) Educar o público sobre a importância da conservação da natureza e sua biodiversidade através de ações de formação e sensibilização das diferentes temáticas envolvendo as populações para uma melhor cidadania.



Mais especificamente a GARRA propõe-se a:


a) Ajudar no resgate de espécies exóticas e autóctones, acompanhando e trabalhando em conjunto com as entidades competentes.


b) Criação de um centro de acolhimento que providencie condições de bem-estar e alojamento temporário e/ou definitivo aos animais apreendidos e/ou recolhidos pelas autoridades nacionais responsáveis, uma vez que em Portugal não existe nenhum local apropriado que acolha estas espécies, especialmente as exóticas.


c) Trabalhar em parceria com outros centros internacionais por forma a criar uma rede que permita oferecer melhores oportunidades para o acolhimento das espécies resgatadas, desde que partilhem da mesma filosofia e princípios que os da GARRA.


d) Combater a detenção ilegal de espécimes selvagens exóticos e autóctones trabalhando junto das autoridades competentes de forma a melhorar e agilizar os processos de queixa e consequente resgate.


e) Promover a formação de profissionais envolvidos no resgate destas espécies (agentes da GNR, SEPNA e vigilantes da natureza).


f) Desenvolver ações de formação e educação ambiental a vários setores do público em geral, abordando várias temáticas relacionadas com a biodiversidade, a conservação da natureza, o tráfico de espécies, e o bem-estar animal, procurando envolver o público para uma maior consciência e atitude de proteção e cuidado para com os animais.